Thursday, August 10, 2006

Sai para lá, macumba e mal-amados

Um dia você acorda e vê que tudo mudou. E mais uma vez acredita que não existirão mais sorrisos, que o mundo inteiro conspira contra você. Você se pergunta, implorando por uma explicação, porque diabos tudo tem que mudar. Mas continua indo dormir e acordando no dia seguinte, mesmo que tenha rezado trezentas vezes na noite passada para continuar dormindo e não acordar. E em um dia seguinte de um dia seguinte qualquer, as coisas mudaram mais uma vez. Como um ciclo que continua rodando. Você está sorrindo de novo e tudo está perfeito em seu lugar. Do dia anterior você já nem se lembra e hoje é um marco temporal. Esse momento pode durar.
Já faz um bom tempo que não acordo em um dia cinzento.
Eu quero que dessa vez seja para sempre, como já é agora.
Obrigada à todos que me fazem sentir vontade de nunca mais ir dormir.

1 comment:

tuba said...

1:01 da manhã de quarta/quinta-feira.
e continuo não tendo vontade de dormir.

=]